Você está aqui: Primeira Página CADERNO CIÊNCIA E TECNOLOGIA
edição de 01.03 a 08.03 de 2008

  CADERNOS

 Campus
 Ciência/Tecnologia
 Cultura
 Geralis
 Mídia
 País
 Regional
 Saúde
 Primeira página



  OUTROS SERVIÇOS

 UNISANTA Online WAP
 UNISANTA Online RSS

 Podcast do Online



  CONTATO

 Sugira uma pauta
 
Colabore conosco
 
Escreva para nós


  O ONLINE

 Arquivo
 
História
 
Eleições 2004
 Eleições 2006
 
Parceria InfoSpace
 
Parceria U-Wire
 Expediente



  ADICIONE-NOS

 Na lista de Favoritos
 Como sua página inicial



 

 

 

 

 

 
imprima esta página
indique esta matéria para um amigo
Brasil é o quinto colocado em vendas de computadores
sábado, 1 de março de 2008

Gabriela Soldano

 Gabriela Soldano

O Brasil terminou 2007 como o quinto maior mercado consumidor de computadores do mundo atingindo a venda de 10,7 milhões de unidades no ano e totalizando 47,3% de todas as vendas de computadores na América Latina. O país perdeu apenas para EUA (64 milhões); China (36 milhões); Japão (13 milhões) e, por último, o Reino Unido (11,2 milhões). E o crescimento futuro não deverá ser muito menor: pesquisas apontam que o mercado ocupará o terceiro lugar no ranking mundial até o final de 2010.

Os preços acessíveis, as novas tecnologias, os pacotes promocionais, os financiamentos para esses equipamentos, a redução dos impostos promovida pelo governo, a queda do dólar e a nova fiscalização do contrabando feita pela Receita Federal são algumas das razões para o crescimento deste mercado no país.

O governo criou ainda uma medida, em janeiro de 2007, para isentar de PIS e Cofins os desktops e laptops que custam até R$ 4.000,00, o que gerou também uma queda nos preços dos produtos.

Edgar Rocha da Silva, vendedor da KallShop, acredita que os preços acessíveis facilitaram a população a adquirir mais unidades. “Aqui nós parcelamos em até 36 vezes, com juros baixos e em até 12 vezes sem juros. A tecnologia associada aos preços baixos facilitaram a venda dos nossos produtos”.

Já Silvia Bacci, supervisora de informática da Ômega, acredita em outra razão: “A queda do dólar facilitou e muito a venda dos nossos produtos”.

Tatiana Andrade, vendedora da Softness, associa o fenômeno as duas variáveis. “A queda do dólar abaixou muito os nossos preços, o que fez aumentar a demanda”. Antonio Carlos Belmiro, do departamento de informática da Universidade Santa Cecília, concorda com Tatiana. “A queda do preço é o principal motivo, o que torna os computadores mais acessíveis do que há alguns anos atrás. É claro que a queda do dólar e a facilidade de pagamento contribui para o processo”.

Maria Laura Souza Pinto, 36 anos, balconista, acredita que pagar juros não é um problema para seu orçamento de pouco mais do que dois salários mínimos. “Após pesquisar preços e fazer as contas em casa, fui até uma loja de informática e comprei um computador para que meus dois filhos pudessem fazer pesquisas escolares. Estou pagando em várias parcelas com juros baixos, mas que compensam porque um computador sempre faz falta”.

Já a enfermeira Juliana Gouveia, de 32 anos, resolveu comprar um notebook de presente para seu filho. “Ele tem 16 anos e só tirou notas altas no ano passado. Então resolvi dar a ele o presente que sempre quis. É claro que o parcelamento em 24 vezes feito pela loja onde comprei me ajudou e muito nesta decisão”.

Enquanto as vendas crescem, as grandes empresas continuam investindo na produção desta tecnologia no país, abrindo novas fábricas ou aumentando a capacidade de produção para dar conta da procura pelos produtos.


Outras reportagens do caderno Ciência/Tecnologia:

 Na guerra dos videogames, Wii sai na frente
 Observatório astronômico abre suas portas
 Iphone chega ao Brasil, desbloqueado, porém ilegal
 Nova tecnologia da Apple une mapas a podcasts
 Resolvida a batalha pela sucessão do DVD
 HDTV é a TV do Século 21, mas está distante do povo


 

 

 

 

DESTAQUES

PODCAST DO ONLINE 

Sempre realizando experiências com as mais recentes tecnologias disponíveis, o UNISANTA Online inicia a publicação de matérias especialmente desenvolvidas para podcast.
Leia mais
 

ONLINE RSS 

Pioneiro em seu segmento, o UNISANTA Online publica uma versão XML de suas reportagens semanais.
Leia mais
 

FOMOS LÁ... 

 Descubra quantas vinhetas de desenho animado você consegue identificar
 Tirinhas, artigos e filmes de bom humor (negro)
 O melhor e o pior do cinema, personalidades, colunas e promoções
 Tudo sobre literatura brasileira, textos, biografias...


NO CAMPUS 

UNISANTA Notícias
Página contendo as últimas novidades da universidade em informes elaborados pela Assessoria de Comunicação da UNISANTA.

Visita virtual 360º
Faça agora mesmo uma visita virtual ao campus da UNISANTA e visualize seus ambientes em 360º.

Primeira Impressão
Jornal-laboratorial elaborado por alunos do quarto ano do curso de Jornalismo da Universidade Santa Cecília.

mais sites

 

UNISANTA Online - Jornal-laboratório da Faculdade de Artes e Comunicação da Universidade Santa Cecília (FaAC)
Correspondência: UNISANTA Online - Rua Oswaldo Cruz, 266 - Boqueirão - Santos - SP.
© 1994-2008 Universidade Santa Cecília - Todos os direitos reservados. Reprodução de textos permitida mediante autorização.
As matérias publicadas são de inteira responsabilidade dos alunos-repórteres, sob a coordenação dos respectivos
professores-orientadores - não representando, portanto, a opinião da Universidade.